Início Matérias Curiosidades Quais dos 7 pecados do trabalho remoto você tem cometido?

Quais dos 7 pecados do trabalho remoto você tem cometido?

Fique por dentro dos setes erros mais comuns de quem está vivendo essa nova realidade e veja o que você pode fazer para transformar seu trabalho remoto

Durante a pandemia, não foram poucos os trabalhos que passaram a ser realizados de forma remota total ou parcialmente. E, como tudo na vida, esse formato apresenta benefícios e malefícios inevitáveis. Contudo, certas atitudes do trabalhador podem ajudar a diminuir o “lado ruim”.

Visando atingir seu objetivo de garantir acesso à saúde de qualidade, o ClubSaúde elencou alguns dos principais erros que você pode estar cometendo durante o famoso home office, ao mesmo tempo em que propõe algumas maneiras de como evitá-los.

1. Ausência de uma rotina matinal

Há um tempo, para a maioria dos trabalhadores, ficar em casa era sinônimo de descanso, mas essa realidade mudou. Com a adoção do home office, muita gente teve que se confinar e transformar algum ambiente de casa em escritório.

O problema é que, como a casa é nosso “território”, algumas pessoas começaram a relaxar mais do que deveriam – saindo da cama mais tarde ou já pulando direto para o computador. Esses comportamentos, claro, não trouxeram boas consequências.

Mesmo que o trabalho remoto ofereça mais conforto, é preciso tomar cuidado para não se acomodar demais e perder hábitos matinais que são saudáveis, como tomar banho para despertar e um café da manhã equilibrado. Outra dica importante é não passar o dia de pijama, já que isso engana a mente.

2. Trabalhar no horário de almoço

Assim como é extremamente importante se alimentar pela manhã, o almoço precisa ser levado a sério. Por isso, é essencial se desligar dos equipamentos tecnológicos que conectam você ao trabalho e aproveitar o momento da refeição.

Para isso, evite almoçar em frente ao computador ou ao celular, ficar respondendo mensagens ou atender ligações. Tudo isso impede você de descansar a mente e aproveitar o alimento. Caso contrário, você pode comprometer sua saúde e até a entrega de seus trabalhos.

3. Trabalhar sem postura

Com a popularização do trabalho remoto, muita gente passou a adotar alguns hábitos curiosos, como trabalhar deitado ou sentado de qualquer jeito. Além de ser extremamente perigoso para a coluna, a prática pode comprometer a qualidade do seu trabalho.

Ao acordar, se levante, arrume a cama, deixando ela apenas para o cochilo após o almoço e uma noite bem dormida. Durante o dia, busque uma cadeira confortável e mantenha sempre a postura correta. Quanto mais você se cuidar, melhor será seu desempenho.

4. Conexão 24 horas

Assim como, na hora do almoço, é importante se afastar das obrigações do trabalho, essa atitude deve ser aplicada no fim do expediente. Evite ao máximo continuar o trabalho nas suas horas de descanso.

Outro conselho: permita-se ficar longe do celular pelo menos uma hora antes de dormir. Isso porque ele acaba retardando a sensação de sono e, consequentemente, prejudicando o seu rendimento no dia seguinte.

Após o trabalho, ative o modo silencioso, desative as notificações, diminua o brilho da tela e comece a relaxar. Esse tempo é para descansar não só a vista, mas a cabeça e o corpo. E não se esqueça de estipular um horário para dormir!

5. Sedentarismo

É natural que a rotina em casa tenha deixado você um pouquinho mais sedentário. Entretanto, é preciso ficar atento aos riscos da falta de exercício – e não estamos falando aqui de correr meia maratona.

Durante o dia, faça pequenas pausas para alongar o corpo; E, que tal, nos horários livres, procurar vídeo-aulas de exercícios funcionais, dança ou qualquer outro tipo de atividade para estimular o organismo?

A prática de atividades físicas ajuda a liberar hormônios muito importantes não só para o corpo, como para a saúde mental. Entre eles está a endorfina, que gera sensação de recompensa e bem-estar.

6. Descuidar da mente

O último tópico – não menos importante – é sobre a saúde mental. Afinal, o cérebro é o responsável por comandar todo o corpo.

Seguindo as dicas anteriores, você já estará no caminho certo para cuidar da mente. Porém, é preciso ficar atento a certos sintomas que podem surgir como resultado da situação que estamos atravessando, a exemplo de ansiedade, depressão e até mesmo burnout, um distúrbio psíquico causado pelo excesso de trabalho.

E vale ressaltar: Não tenha medo de assumir seus sentimentos e fraquezas. Essa é a uma atitude essencial para cuidar de si mesmo!

Leia também: 10 ideias para montar um home office funcional e criativo

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu Comentário
Por favor coloque seu nome aqui

MAIS LIDAS DA SEMANA

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!