Início Matérias Saúde Pacientes de Covid se recuperam em casa com apoio multidisciplinar

Pacientes de Covid se recuperam em casa com apoio multidisciplinar

Sistema Hapvida, do qual o Grupo São Francisco faz parte, investe na desospitalização a partir do atendimento integral de uma equipe multidisciplinar

Lutando, diariamente, na linha de frente contra a pandemia, o Sistema Hapvida deu início a uma estratégia para proporcionar mais conforto aos pacientes de Covid-19. A partir da assistência de uma equipe integral multidisciplinar, a ideia é que essas pessoas terminem o tratamento em casa, junto com a família.

Chamado de desospitalização, esse processo é indicado aos pacientes que podem, com aval médico, deixar o hospital. Para isso, eles contam com suporte de aparelhos e profissionais empenhados em fornecer toda a assistência necessária para a plena recuperação, como explica Carlos Loja, diretor-executivo da Rede Assistencial do Sistema Hapvida.

Carlos Loja, diretor executivo da Rede Assistencial do Sistema Hapvida | Foto: Divulgação
Carlos Loja, diretor executivo da Rede Assistencial do Sistema Hapvida | Foto: Divulgação

“Contamos com suporte domiciliar, seja de oxigênio, seja de fisioterapeuta, de psicólogo, conforme a necessidade do paciente. Além disso, se recuperar no ambiente familiar é muito importante para as pessoas, que ficam em um ambiente muito mais acolhedor e propício para que essa fase de convalescência passe. Desempenhar esse papel é muito gratificante para todos nós”, avalia.

Cuidado multidisciplinar

Um dos pacientes que voltou para casa foi o Marcos Antônio Pereira, 47, gerente de assistência técnica automobilística, que esteve internado durante oito dias. “Estou muito feliz e me sentindo muito bem, podendo me recuperar em casa, com todo o material técnico e com a equipe de profissionais do Hapvida. Quem puder se recuperar em casa, aproveite”, afirma.

O programa de desospitalização conta, atualmente, com serviço próprio de call center, telemonitorização ativa de enfermagem e teleconsultas médicas com equipe multidisciplinar.

Luciane Amaral, diretora médica do Sistema Hapvida, também comemora o sucesso do programa de alta hospitalar. “Ele vem ajudando muitos pacientes que tiveram Covid-19 e em casos selecionados. Desde dezembro de 2020 já foram mais de 2.000 pacientes atendidos pelo programa em todo o Brasil. Com apoio multidisciplinar e integral, a luta contra a doença vai além do atendimento hospitalar, chegando à casa do paciente, onde é possível uma reabilitação acelerada e humanizada”, destaca.

Mesmo com todo o suporte, é preciso continuar mantendo a rotina de cuidados: manter o distanciamento social, usar máscara ao sair, lavar as mãos e usar álcool em gel.

Leia também: Imunidade de rebanho: o que é e quando vamos atingi-la

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu Comentário
Por favor coloque seu nome aqui

MAIS LIDAS DA SEMANA

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!