Início Matérias Educação O que fazer para seu filho ficar mais protegido na volta às...

O que fazer para seu filho ficar mais protegido na volta às aulas?

As crianças devem adotar o uso de máscara e a higienização das mãos com álcool em gel nesse período de volta às aulas, especialmente porque podem transmitir o vírus

A volta às aulas prevista para acontecer de forma gradual, a partir de fevereiro em diversas cidades, exige cuidados especiais e a adoção de novos hábitos para prevenir novos casos de Covid-19.

A médica Sílvia Fonseca, diretora corporativa de infectologia do Sistema Hapvida (do qual o Grupo São Francisco faz parte), afirma que, com a perspectiva do retorno às atividades em creches e escolas, é importante adotar medidas de prevenção para reduzir os riscos de contágio.

“É necessário prestar atenção nas crianças. A partir de dois anos, elas também precisam utilizar a máscara cobrindo o nariz e a boca, criar o hábito de sempre lavar as mãos e passar o álcool em gel para ficarem protegidas”, orienta.

Apesar da Covid-19 ter um impacto mais grave em pessoas idosas e com doenças crônicas ou condições que afetam o sistema imunológico, as crianças também exigem cuidados na prevenção e para conter a disseminação do vírus. É importante lembrar que, mesmo assintomáticas ou com sintomas “mais fracos”, elas podem transmitir o coronavírus para a quem está ao seu redor.

“Não é tão comum que uma criança tenha um quadro grave de Covid-19. Mas, ainda que assintomática, pode transmitir a doença para outras pessoas. Por isso, é importante ficar atento na volta às aulas, principalmente, em relação a resfriados, como nariz escorrendo, um pouco de febre, perda de apetite e dor de garganta”, explica Sílvia.

Leia mais: 5 maneiras de ensinar inglês para as crianças
Assista: Como usar tons neon?

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu Comentário
Por favor coloque seu nome aqui

MAIS LIDAS DA SEMANA

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!