Início Matérias Saúde Covid-19: morre médico que ajudou a separar siamesas em Ribeirão Preto

Covid-19: morre médico que ajudou a separar siamesas em Ribeirão Preto

Após participar de várias cirurgias para a separação das siamesas, o neurocirugião James Goodrich se encontraria com a família das pacientes em agosto

Morreu, em Nova York (EUA), o neurocirurgião norte-americano James Goodrich. Ele foi um dos médicos responsáveis pela separação das gêmeas siamesas Maria Ysabelle e Maria Ysadora, no Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto. As irmãs tinha nascido unidas pela cabeça em agosto de 2018.

A morte de James ocorreu no domingo, 29 de março, devido às complicações da Covid-19. Ele havia ficado em coma por cinco dias e respirava com a ajuda de aparelhos.

Considerado uma referência internacional em cirurgias para a separação de crianças siamesas, o médico se reuniria com a família das meninas em agosto deste ano.

Leia mais: Spotify lança projeto para reduzir efeitos da Covid-19
Assista também: Saiba mais sobre a extensão de cílios

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu Comentário
Por favor coloque seu nome aqui

MAIS LIDAS DA SEMANA

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!