Início Matérias Arquitetura, decoração e paisagismo Grand Millennial: estética vintage traz charme ao décor residencial

Grand Millennial: estética vintage traz charme ao décor residencial

O estilo Grand Millennial é uma nova abordagem para o estilo de decoração inspirado nos séculos 19 e 20

Você assiste a filmes como Little Women e programas como The Marvelous Mrs. Maisel ou Anne with a E e fica totalmente inspirado? Eles fazem você querer procurar móveis de tonalidades mais escuras e papéis de parede florais? Você pode não saber, mas o Grand Millennial é exatamente o que você procura.

Primeiro, é legal destacar que a decoração é uma forma de expressar diferentes identidades por meio de estilos ou da combinação entre eles. A inspiração pode ter várias origens – até mesmo dos nossos avós! Afinal, eles nos lembram de conforto e acolhimento, sentimentos que vem conquistando mais espaço na decoração. Nesse sentido, o Grand Millennial é um estilo que ganhou o coração dos apaixonados por decoração e de grandes designers.

Menos nem sempre é mais

Tendências são cíclicas e, mesmo estilos que você nunca pensou que veria novamente, muitas vezes ressurgem décadas depois. É o caso dessa estética que mistura estampas, papéis de parede florais, móveis vintage e coleções pessoais.

“O padrão é primordial em designs Grand Millennial: estampas clássicas, como tela de pintura, chita, quadriculado e florais, destacando-se em cortinas, estofados e revestimentos de parede”, explica a arquiteta Patricia Makhoul, ressaltando que “enfeites como babados, pregas e franjas também estão ressurgindo”.

Outros elementos ainda podem ser utilizados para essa viagem no tempo. Por exemplo: móveis de herança feitos de madeiras escuras, como nogueira e cerejeira, trazem um senso de história para esses ambientes, enquanto a arte abstrata ou detalhes metálicos ajudam a refrescar e modernizar o visual. Além disso, o uso de uma paleta de tons saturados proporciona uma sensação orgânica e casual.

A tendência veio para mostrar que esse estilo de decoração é para todas as idades, com cada vez mais pessoas buscando cores alegres e móveis que saem do convencional e apelam para o afetivo. 

Arquiteta Patricia Makhoul | Crédito: Rafael Cautella

“É surpreendente ver os tipos de itens pelos quais nossos clientes de 20, 30 anos adquiriram sensibilidade. Não são exatamente os quartos abafados e formais de que você deve se lembrar da infância”, comenta a arquiteta.

A versão atualizada do estilo tradicional adota as tendências de design da velha escola, com um toque novo para o século 21. Ao misturar alguns elementos modernos, o estilo é nostálgico e confortável sem parecer over. Um design bem editado é a chave para obter a aparência Grand Millennial de uma forma que é mais atemporal do que antiquada. 

“Ele [o Grand Millennial] libera você para fazer escolhas de design e criar um espaço que é tudo menos estéril e simples. Esse grande estilo incentiva você a ser diferente e acho que, especialmente hoje, isso fala a muitas pessoas”, finaliza Patrícia.

Leia também: 10 ideias para montar um home office funcional e criativo

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu Comentário
Por favor coloque seu nome aqui

MAIS LIDAS DA SEMANA

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!