Início Matérias Gourmet 5 coisas que você precisa saber sobre caviar!

5 coisas que você precisa saber sobre caviar!

Informações sobre uma das iguarias mais luxuosas do mundo

Poucos pratos são imediatamente associados ao luxo como o caviar. A reputação do caviar e o fato do seu preço ser elevado, pode fazer com que esse delicioso ingrediente seja um pouco intimidador para quem nunca experimentou a iguaria, mas a experiência em saboreá-lo pode ser surpreendente, sem contar nos benefícios a saúde por ser rico em proteínas, conter boas vitaminas, ácidos graxos insaturado e ser muito usado no desenvolvimento de cosméticos de luxo para rejuvenescer a pele.

1.O que é caviar ?

As pessoas conhecem o caviar, como ovas de peixe, porém o verdadeiro caviar é composto de ovas de esturjão levemente salgadas e sem qualquer preservante. Ele, pode ser encontrados em quatro tipos diferentes: Almas, Beluga, Oscietra e Sévruga que variam de tamanho, cor e sabor.   (Essas diferenças, assim como sua disponibilidade, determinam o seu custo e valor de cada caviar).

2.O caviar Almas

Em russo, Almas significa diamante. Almas é o tipo mais exclusivo de caviar, apreciado como uma iguaria pelos antigos gregos que o importaram da área hoje conhecida como Crimeia, no sul da Ucrânia. De acordo com o Livro Guinness dos Recordes Mundiais, o caviar Almas é regularmente vendido por US$ 34.500 (cerca de R$60 mil) por quilo, tornando-se o alimento mais caro do mundo.O Almas vem exclusivamente do esturjão beluga albino com mais de 100 anos de idade, que vivem principalmente no Irã. Com ovas brancas e lisas, o seu sabor é conseguido através de salga delicada que desenha o seu sabor distinto e cremoso do caviar.

3.O caviar Beluga

Assim como acontece com Almas, o caviar Beluga é principalmente de esturjão que vivem no Mar Cáspio, no Irã. Sendo o segundo caviar mais caro do mundo, o Beluga é talvez o tipo que a maioria das pessoas imagina quando pensa na iguaria. Embora seja mais comum que o Almas, o caviar de Beluga ainda é relativamente raro e era conhecido por ser reservado para as famílias reais no passado. O Beluga tem as maiores ovas individuais de todos os caviares. Cada ova pode ser tão grande quanto uma ervilha e varia em cor de um cinza pálido-prata ou cinza escuro. O seu sabor salgado é equilibrado e amanteigado e pode ser apreciado com acompanhamentos simples, como mini torradas, para preservar o seu sabor delicado.

4.O caviar Oscietra

O esturjão Oscietra é muito menor que o esturjão Beluga. Originário também do Mar Cáspio, hoje em dia, grande parte do esturjão Oscietre é cultivado para garantir a produção contínua e sua alta qualidade. As ovas Osciètre são menores do que o grande caviar Beluga, mas os seus grãos são consistentes e de sabor sutil, com um gosto marítimo definido, que varia de marrom profundo a dourado. As ovas coloridas mais claras são de esturjões mais antigos, que  têm um sabor mais rico e um preço mais alto do que aqueles com um tom mais escuro.

5.O caviar Sevruga

O esturjão de Sevruga, também conhecido em inglês como o esturjão estrelado, é o caviar mais comum e também se reproduz mais rapidamente que o esturjão Beluga ou Oscietre. Como resultado, o caviar Sevruga produz ovas menores, o que o torna a variedade de caviar mais disponível. As ovas em si são de cor cinza claro perolado, e o seu sabor inclui um sabor marinho proeminente, seguido por notas de noz e de uma cremosidade mais delicadas.

Fonte: Ecole Hôtelière de Lausanne (EHL)

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu Comentário
Por favor coloque seu nome aqui

MAIS LIDAS DA SEMANA

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!