Início Matérias Saúde Como garantir um sorriso saudável?

Como garantir um sorriso saudável?

A melhor maneira de ter um sorriso bonito é cuidando da sua saúde bucal

Apesar de a saúde bucal ser mais que uma questão estética, esse é um dos principais fatores pelo qual as pessoas começam a se preocupar em ter uma boca saudável. Por esse motivo, quanto antes os cuidados começarem, menores e mais fáceis de resolver, serão os problemas.

Atualmente, os profissionais da área odontológica e do próprio plano odontológico entendem que a saúde bucal está diretamente relacionada à saúde emocional do indivíduo, uma vez que influencia em diversas áreas da vida, como a pessoal, a social e, até mesmo, a profissional.

Por esse motivo, a preocupação com um sorriso saudável tem sido cada vez maior, fazendo com que as pessoas procurem por um plano odontológico que satisfaça as suas necessidades e garanta a prevenção ideal para manter sua saúde bucal e, ao mesmo tempo, um aumento na autoestima e na qualidade de vida.

Principais cuidados: higienização bucal

Realizar uma boa higienização bucal já elimina a grande maioria dos problemas e doenças que podemos ter na boca. Sendo assim, aquela recomendação básica que ouvimos desde criança torna-se algo essencial durante toda a vida: é necessário escovar os dentes ao menos três vezes por dia, principalmente após as refeições, assim como passar o fio dental diariamente.

Dessa forma, o indivíduo assegura que as partículas de comida após as refeições não fiquem entre os dentes e nas papilas da língua, possibilitando que as bactérias existentes na boca, venham agir diretamente sobre elas, causando a desmineralização dental, assim como a inflamação das gengivas.

O cuidado básico com a higiene bucal, quando feito da maneira correta, garante a pessoa além de um sorriso bonito, uma boca livre de doenças. É considerado saudável, uma boca que não apresenta nenhum tipo de problema bucal, ou seja: sem dores e incômodos, assim como inflamações e sangramentos.

Sendo assim, para evitar esses desconfortos, a escovação deve ser feita com calma e da maneira correta para que seja eficiente. Isso significa gastar, ao menos, dois minutos apenas escovando os dentes, em todas as suas superfícies.

A língua deve ser igualmente higienizada em sua totalidade, assim como o fio dental deve ser passado entre todos os dentes, até mesmo aqueles que ficam ao fundo da boca, que são difíceis de alcançar. O fio dental realiza a função de alcançar os lugares em que a escova, por mais eficiente que seja, não consegue chegar.

Como escolher os produtos de higiene bucal

É igualmente importante que os produtos de higiene bucal sejam escolhidos para garantir a sua eficiência. Ou seja, não tem porque escolher uma escova de dentes porque ela possui uma cor diferenciada ou um modelo moderno.

O recomendado pelos profissionais do plano odontológico é que as escovas sejam de cerdas macias, uma vez que as duras podem danificar o esmalte dentário por conta da força aplicada durante a escovação. Assim como a cabeça da escova deve ser de um tamanho apropriado para a boca do indivíduo, de maneira que consiga alcançar todos os dentes sem causar lesões.

O creme dental deve ser com flúor, pois é uma das melhores formas de proteção dos dentes contra as cáries. Isso porque o flúor é composto por minérios essenciais, revertendo o processo de desmineralização causado pelas bactérias ao liberarem as substâncias ácidas que atacam diretamente o esmalte do dente.

Da mesma forma, as visitas ao profissional do plano odontológico devem ser realizadas regularmente, pelo menos uma vez por semestre, quando a sua boca está saudável. Essas consultas servem como uma forma de prevenção, garantindo ao indivíduo que os melhores cuidados estão sendo tomados em relação a sua saúde bucal.

Nessas consultas é comum realizar limpezas especializadas, retirando as placas bacterianas que, mesmo com todos os cuidados diários, ainda se formam nos dentes, podendo causar vermelhidão na gengiva, assim como infecções, inflamações e sangramentos, sintomas comuns de doenças gengivais como a gengivite e a periodontite.

Outros cuidados: para além da higienização

Beber ao menos dois litros de água diariamente é essencial para a saúde bucal. Isso porque a saliva realiza uma importante função na proteção dos dentes, ajudando a remineralização, assim como lubrificando os alimentos, auxiliando na mastigação. Além disso, uma boca seca é propícia para a proliferação de bactérias, sendo uma das causas do mau hálito.

Ter uma alimentação balanceada é outro fator que influencia diretamente em uma boca saudável. Isso não significa deixar de comer certos alimentos, apenas que os seus excessos devem ser evitados. Isso serve, principalmente, para os açúcares e carboidratos ricos em amido.

As bactérias presentes na boca alimentam-se dos restos de comida, mas principalmente do açúcar e produzem ácidos que dissolvem lentamente o esmalte do dente, causando a cárie. A melhor maneira de evitar isso é realizar a escovação logo após a ingestão destes alimentos, assim como diminuir o seu consumo.

Dessa forma, é possível impedir que as partículas dos alimentos fiquem por muito tempo na boca. Por esse motivo, é recomendado que os carboidratos sejam ingeridos apenas nas refeições principais, pois o ideal é que a escovação ocorra logo após.

É possível saber mais sobre o assunto tanto com o especialista do plano odontológico, como diretamente com um nutricionista.

Os alimentos que fazem bem à saúde bucal são:

  • Alimentos fibrosos: limpam as impurezas dos dentes devido ao atrito do alimento durante a mastigação;
  • Alimentos ricos em cálcio: mineral essencial para a construção e manutenção dos ossos e dentes;
  • Alimentos ricos em vitamina C: ajudam na cicatrização, protegendo a gengiva contra lesões e inflamações.

Além disso, outros hábitos nocivos, porém, comuns e que influenciam diretamente na manutenção de um sorriso saudável são: roer as unhas, pois causa o desgaste do esmalte e o tabagismo, que além de manchar os dentes e causar o mau hálito, também é um dos principais causadores de problemas gengivais.

Leia também: Cigarros eletrônicos devem ser combatidos, alerta Socesp

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu Comentário
Por favor coloque seu nome aqui

MAIS LIDAS DA SEMANA

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!