Início Matérias Tecnologia Ambev aposta em Ribeirão Preto para desenvolver novos produtos

Ambev aposta em Ribeirão Preto para desenvolver novos produtos

Segundo Jean Jereissati, CEO da companhia, a cidade está entre os quatro Centros Tecnológicos de Desenvolvimento de novos produtos da empresa no mundo

Considerada um forte centro econômico do interior paulista, Ribeirão Preto é também destaque no cenário nacional como polo cervejeiro. Tais características chamaram a atenção da Ambev, que fez, do município, um de seus “braços” de inovação e tecnologia, a fim de desenvolver novos produtos.

Isso quer dizer que a cidade aparece entre os quatro Centros Tecnológicos de Desenvolvimento da empresa. Os outros três estão em Guarulhos (SP), Rio de Janeiro (RJ) e na Bélgica.

“Nossa estratégia é trabalhar na busca constante de marcas novas para agregar portfólio. Em Ribeirão Preto, nos encontramos. Fizemos a aquisição da Colorado em 2015, que nos trouxe a possibilidade de trabalhar com uma bebida mais aromatizada. E, no final de 2019, fechamos a parceria com a Cervejaria Pratinha. Ela é um braço do núcleo de desenvolvimento e tecnologia para novos produtos na Ambev”, contou Jean Jereissati, CEO da companhia.

Segundo ele, um dos principais sucessos da Colorado é justamente o rótulo que leva o nome da cidade. “Ela se encaixa no processo que buscamos constantemente, de novas receitas, e agrada diferentes paladares, pois é aromatizada, leve, lupulada e maltada. Uma inovação de receita e produto”.

O executivo participou de evento online do LIDE Futuro, no qual também falou das transformações no mercado pós-pandemia.

Sempre olhando para o futuro

Durante o encontro com os empresários, o CEO da Ambev reforçou as premissas que a empresa investiu e ainda vem dando bastante atenção durante a pandemia: inovação, protagonismo e investimento em tecnologia.

“Neste momento, a prioridade da Ambev é ajudar ao próximo e ser protagonista de ações solidárias no país. Para isso, a companhia expandiu sua conexão com consumidores criando estratégias do bem”, explicou.

Como exemplo, Jereissati citou a produção de álcool em gel, que foi doada logo no início da pandemia para hospitais públicos do país; a ajuda na expansão de novos leitos no Hospital M’Boi Mirim (na capital paulista); e a criação de instrumentos médicos que não se achavam no Brasil.

“Também mudamos a forma como se conectar com o nosso público, buscando trazer soluções, como a campanha #apoioumrestaurante da Stella; a plataforma Zé Delivery; e o apoio no entretenimento das lives. Na crise, é preciso cuidar das pessoas e, na atual, priorizamos fortemente esta busca”, enfatizou.

Leia também: Startup brasileira cria experiência de “cheiro digital
Assista: Papo Zumm: A moda brasileira pós pandemia

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu Comentário
Por favor coloque seu nome aqui

MAIS LIDAS DA SEMANA

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!